Precisando de luz? MIT cria plantas que resolvem esse problema

MIT

Imagine ter plantas que fazem papel de postes de luz nas ruas? Essa é uma das possibilidades que o Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) encontrou ao desenvolver suas lâmpadas orgânicas. Basicamente, o que os pesquisadores da Instituição criaram foi um protótipo de plantas que brilham do escuro – e que brilham tanto que podem substituir lâmpadas.

Para criar essas verdinhas, os pesquisadores utilizaram uma enzima chamada de luciferase, ao qual consegue transformar energia química em energia luminosa – é a mesma que permite os vagalumes a emitir luz própria.

Em teste, os especialistas utilizaram plantas de agrião, mas as luzes duraram pouco tempo – cerca de uma hora, apenas. Mas, com algumas modificações e aperfeiçoamento, a duração passou a ser de quatro horas.

Um dos autores da pesquisa chamado Michael Strone afirma que, “O nosso Objetivo é executar um tratamento para quando a planta é apenas uma muda ou uma planta madura, e fazer com que isso dure o tempo em que a planta viver.” O especialista complementa o pensamento afirmando acreditar que o trabalho abrirá portas para chegarem ao ponto de substituir postes de luz em ruas, ou até mesmo virar luminárias dentro de sua própria casa.

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *